Artigo de João Isaac
27-12-2019

O Natal já passou mas agora pode usar a chegada do ano novo como desculpa para justificar uma prenda como esta para sua casa. Não é certamente para qualquer carteira ou garagem, mas comprar nem que seja um dos seis Ferrari descapotáveis desta coleção que vai a leilão é um sonho realizado para qualquer fã de automóveis.

Leia ainda: 35 automóveis que marcaram a década que agora termina

O grande destaque da coleção é, para muitos, o fabuloso F50 de 1995. O seu motor V12 funcionou apenas durante cerca de 8 mil quilómetros. Esta é uma das 55 unidades que foram exportadas para os Estados Unidos da América. A produção total do F50 é de 349 unidades e a venda deste exemplar pode chegar aos 3 milhões de euros. Já o 550 Barchetta de 2001 percorreu ainda menos quilómetros. Assim, o odómetro marca apenas 1095 quilómetros, o que pode ajudar a justificar o valor estimado de venda entre os 400 mil e os 450 mil euros.

O leilão pode render mais de 6,8 milhões de euros ao colecionador

Num patamar de preço mais acessível surge o icónico 308 GTS Quatrovalvole com um preço estimado entre 72 mil e 90 mil euros e igualmente o 348 TB de 1990 que deverá ser vendido por um valor idêntico. No entanto, aproximando-nos do outro extremo desta coleção Ferrari, surge um fabuloso 250 GT Series II, com carroçaria Pininfarina, o número 64 de apenas 200 fabricados. O valor final da venda pode variar entre os 900 mil e os 1,4 milhões de euros.

Clique aqui para se juntar ao Automundo no Facebook

Acima do valor do 250 GT, a coleção inclui ainda o muito procurado 365 GTB/4 Daytona Spyder. Este é o único carro da coleção que não é vermelho. O exemplar em questão é de 1972 e percorreu 65 mil quilómetros. Assim, tudo indica que a sua venda pode vir a render mais de 1,8 milhões de euros ao colecionador que agora se prepara para despedir da sua coleção. O leilão da Gooding & Company decorre em Scottsdale, Arizona, EUA, nos dia 17 e 18 de janeiro de 2020.

Percorra a galeria e veja as fotos dos Ferrari que vão a leilão.

Fotos: Gooding & Company

Artigos Relacionados

Artigos Relacionados

Top