Artigo de Guilherme André
26-03-2020

O Volkswagen Golf R é o topo de gama do desportivo alemão. De facto, situa-se num patamar superior de potência quando comparado com o Golf GTI. Recentemente a Volkswagen chegou a dar indícios de que poderia introduzir uma versão ainda mais potente com o protótipo R420, contudo, este projeto nunca chegou a se concretizar. Agora, com a oitava geração do Golf já à venda, começam os rumores de que a Volkswagen tentou “pedir emprestado” o cinco cilindros que equipa o Audi RS3. Pedido esse que não foi aceite, ou seja, o 2.0 lt vai manter-se.

Modificações dão um total de 450 cavalos ao Volkswagen Golf R

Porém, é aqui que entra a Manhart, preparadora alemã, que decidiu dar um enorme aumento de potência ao Golf R da sétima geração e chamaram-lhe RS450. Depois de uma reprogramação e mais algumas melhorias mecânicas, conseguiram passar dos 300 para os 450 cavalos e 500 Nm de potência do 2.0 TSI. Com estes valores, o desportivo alemão faz frente aos temíveis Audi RS3 e Mercedes-AMG A45 S!

Leia ainda: Este McLaren F1 GTR Longtail é o primeiro de apenas dez e está à venda

Para além da potência, garantiram ainda algumas alterações estéticas. Falamos da inclusão de uma asa dianteira, jantes personalizadas, alguns autocolantes e uma nova afinação de suspensão mais rebaixada. Tudo o resto é de fábrica sem qualquer tipo de alteração. Por fim, se ficou interessado em saber mais sobre esta modificação visite o site oficial da preparadora.

Clique aqui para se juntar ao Automundo no Facebook

Percorra a galeria e conheça a modificação do desportivo alemão.

Fotos: Manhart

Artigos Relacionados

Artigos Relacionados

Top