Artigo de Guilherme André
07-11-2019

A Hennessey, preparadora de alguns dos veículos mais extravagantes do mundo, voltou a mostrar todo o potencial. Depois de terem criado o Exorcist Camaro ZL1 que debita 1014 cv, elevaram ainda mais a fasquia. Desta vez, escolheram o nome “The Resurrection”, algo que tem como objetivo simbolizar a evolução do Exorcist. Debaixo do capot já não se encontra o motor de série.

Leia ainda: Fiat Panda 4×4 que pertenceu a Gianni Agnelli vai a leilão

De facto, a preparadora escolheu o LT5 V8 que equipa o desportivo Corvette ZR1 e que debita 765 cv. Não contente com este valor, decidiram fazer várias modificações e chegaram à módica quantia de 1217 cv. Para ajudar tantos cavalos a “respirar”, o Camaro recebe um novo capot em fibra de carbono, com uma abertura de maiores dimensões para fornecer mais ar ao compartimento do motor.

Veja o vídeo:

Hennessey Resurrection está limitado a 24 unidades

A empresa faculta ainda duas opções: a caixa manual de seis velocidades ou a automática de 10 relações. Assim, a Hennessey assume que o Resurrection acelera dos 0 às 60 mph (97 km/h) em 2,3 segundos.  Já nos arranques de quarto de milha, ou seja, cerca de 400 metros, este veículo demora 9,3 segundos a percorrer a distância.

Clique aqui para se juntar ao Automundo no Facebook

Quando à velocidade máxima, não há um valor certo, mas a Hennessey afirma que é superior a 250 km/h. Por fim, o Hennessey Resurrection Camaro ZL1 1LE está limitado a 24 unidades. A preparadora mantém a garantia de um ano ou 19 000 km e o preço ascende aos 200 mil dólares, cerca de 180 558 euros.

Percorra a galeria e conheça o novo membro da família Hennessey.

Artigos Relacionados

Artigos Relacionados

Top