Artigo de João Isaac
03-01-2020

A 42ª edição do Rali Dakar arranca já no próximo dia 5 de janeiro e vai contar com a participação de onze portugueses. São muitas as novidades, mas o grande destaque é a mudança de cenário para as areias da Arábia Saudita. No total, o Dakar 2020 conta com doze etapas e apenas um dia de descanso pelo meio.

Dakar 2020 com mais de 5000 quilómetros cronometrados

São mais de 7850 quilómetros de desafios constantes, dos quais 5000 serão cronometrados. Contam-se mais de 500 participantes que se dividem pelas motos, carros, quads, camiões e SSV. Entre estes estão onze nomes portugueses. Paulo Gonçalves, segundo classificado nas motos em 2015, é o nome principal da armada lusa.

 

Ver esta publicação no Instagram

 

Lancia pode reforçar posição no mercado com SUV compacto – Leia a notícia em www.automundo.pt – #automundoportugal #lancia #suv

Uma publicação partilhada por automundo.pt (@automundo_pt) a

Nos automóveis, destaque para a presença dos irmãos Ricardo e Manuel Porém ao volante de um Borgward oficial. Já Paulo Fiúza será o navegador de Stéphane Peterhansel a bordo do Mini, um dos principais candidatos à vitória. Pedro Bianchi Prata alinha como navegador do piloto de ralis Conrad Rautenbach na categoria SSV e José Martins alinha com um DAF nos camiões.

Leia ainda: Fernando Alonso traça objetivos antes de partir para o Dakar

Uma das grandes novidades da lista de inscritos é o nome do bicampeão do mundo de Formula 1, Fernando Alonso. O piloto espanhol vai estrear-se no rali raid mais duro do mundo ao volante de um Toyota. Pode acompanhar o melhor do Dakar 2020 diariamente, de 5 a 17 de janeiro, pelas 22 horas no canal Eurosport.

Clique aqui para se juntar ao Automundo no Facebook

Foto: Dakar

Artigos Relacionados

Artigos Relacionados

Top