Artigo de Guilherme André
31-03-2020

Numa altura em que a pandemia de coronavírus ainda se encontra em expansão, há várias provas que continuam a ser adiadas. Uma delas é a temporada de 2020 de Fórmula 1 que, por agora, só deve começar em junho. Isto porque, já foram reagendadas ou canceladas oito corridas para evitar grandes aglomerados de pessoas. Contudo, parece que Helmut Marko, conselheiro da Red Bull Motorsport tem outros planos em mente. Ele acredita que a exposição dos pilotos ao coronavírus agora, iria ajudar os pilotos a ficarem imunes no futuro quando a temporada recomeçar.

Leia ainda: 12 filhos de pilotos que querem manter o legado dos pais

Estas polémicas declarações foram registadas numa entrevista à televisão austríaca ORF. “Nós temos quatro pilotos de Fórmula 1 [Max Verstappen, Alex Albon, Pierre Gasly, Daniil Kvyat] e oito ou 10 juniores”, começa por referir Helmut. “A ideia era organizar um campo de treino” e “essa seria a melhor altura para a infeção chegar”, declarou o conselheiro da Red Bull. Justificou esta ideia ao dizer que “eles são todos jovens com muito boa saúde”.

Ideia não foi bem aceite pelas equipas de Fórmula 1 da Red Bull

Como seria de esperar, esta chocante proposta de Marko não foi aceite pelas frações da Red Bull que abandonaram a ideia. “vamos pôr desta maneira: não foi bem recebida”, afirmou Helmut. Por agora, o conselheiro parece ter abandonado a ideia. Terminou dizendo que o foco é melhorar a forma física durante o tempo que falta.

Clique aqui para se juntar ao Automundo no Facebook

Foto: reprodução

Artigos Relacionados

Artigos Relacionados

Top