Artigo de Guilherme André
04-12-2019

Ainda agora começou a pré-temporada de Fórmula 1 e já começaram os rumores. Um dos mais falados é sobre o futuro de Lewis Hamilton depois do fim do contrato com a Mercedes em 2020. Tem crescido as notícias relacionadas com a possibilidade de trocar a equipa alemã pela Ferrari em 2021. Para além disso, Mattia Binotto, chefe da equipa italiana, afirmou no GP de Abu Dhabi que não deixa de fora essa opção.

Lewis Hamilton mantém alternativas em aberto

Isto porque Hamilton já tornou público de que vai, por agora, manter todas as alternativas em aberto para 2021. Toto Wolff, líder da Mercedes F1 já se pronunciou sobre o caso. “Não acho que seja particularmente prejudicial não chegar a conclusões rapidamente”, afirmou. “Nós queremos ter a formação mais forte que conseguirmos em 2021 e ainda falta um ano. Acho que a silly season começará em breve, bem como as conversações com os pilotos”, salientou Wolff.

Leia ainda: Renault Zoe é nova arma elétrica de 340 cv para as corridas no gelo

Por fim, o líder da Mercedes vê com bons olhos a continuação de Lewis Hamilton na Mercedes, mas percebe as dúvidas. “Eu sinto que se olharmos de um ponto de vista racional, tudo diz que devemos continuar a trabalhar juntos. Ainda assim, podem haver outros fatores como um novo desafio, um negócio excitante, que se tornam fatores a ter em conta. Por isso dou 25% de chances [de Hamilton sair]”. Terminou.

Clique aqui para se juntar ao Automundo no Facebook

Artigos Relacionados

Artigos Relacionados

Top