Artigo de Guilherme André
22-08-2019

A última prova de agosto de MotoGP acontece no circuito de Silverstone. A histórico evento do Reino Unido acontece este fim de semana (23-25 de agosto) com o grande destaque para Miguel Oliveira que corre pela primeira vez na classe rainha neste circuito. O português nunca venceu em Silverstone, aliás, o seu melhor resultado foi um quarto lugar em 2014 pela Mahindra em Moto3.

Leia ainda: Fernando Alonso cada vez mais perto do Dakar 2020

Por outro lado, na frente do campeonato, Marc Marquez tem uma boa vantagem sobre Andrea Dovizioso, apesar da vitória do italiano na última prova. Contudo, Dovizioso tem uma dura batalha pela frente já que a Ducati só venceu em Silverstone uma vez, em 2017. 

Jorge Lorenzo está de regresso depois de lesão

Igualmente importante de salientar é o regresso de Jorge Lorenzo às corridas. O tricampeão espanhol, atual piloto oficial da Honda, esteve quase dois meses de fora devido a uma fratura das vértebras T6 e T8 no primeiro treino livre do GP da Holanda, em Assen. Desde então falhou as duas provas seguintes na Alemanha e Áustria.

5 factos sobre o MotoGP no Reino Unido:

 

1. O MotoGP foi sempre ao Reino Unido

Este é a 71ª vez que o Reino Unido acolhe uma prova de MotoGP. Na Ilha de Man aconteceram 28 eventos, Donington Park acolheu 23 provas e, por fim, Silverstone vai em 19. Isto significa que desde o primeiro ano de MotoGP que acontece uma prova em solo britânico.

2. Silverstone é a prova mais longa do campeonato

Com 5,9 km de comprimento, Silverstone é a pista mais longa de todo o campeonato do mundo de velocidade. Para além disso é um dos dois circuitos do calendário em que uma volta completa se faz em mais de dois minutos. A outra pista é Austin (Estados Unidos da América).

Clique aqui para se juntar ao Automundo no Facebook

A título de curiosidade, o recorde de velocidade máxima atingida neste circuito pertence à Ducati. Andrea Iannone registou em 2015 no FP3, 332,4 km/h.

3. Vencer em duas pistas do mesmo território? Só quatro o fizeram

Apenas quatro pilotos venceram na classe rainha em duas pistas no Reino Unido, mais especificamente, Donington e Silverstone. Assim sendo falamos de Wayne Gardner, Casey Stoner, Andrea Dovizioso e Valentino Rossi. Curiosamente, apenas Dovizioso não foi campeão.

4. Construída sobre um aeródromo da Segunda Guerra Mundial

Este traçado, situado a 120 km a nordeste de Londres, foi construído sobre um aeródromo da altura da Segunda Guerra Mundial. Assim, são ainda visíveis três vias, do aeródromo original, que atravessam o circuito.

5. Silverstone é um dos circuitos que pertence ao calendário de MotoGP e Fórmula 1

Por fim, o circuito de Silverstone é um dos eventos de MotoGP que também faz parte do calendário de Fórmula 1. Os outros percursos são Red Bull Ring (Áustria), Circuito das Américas (Estados Unidos) e Catalunha (Espanha).

Artigos Relacionados

Artigos Relacionados

Top