Artigo de Guilherme André
17-12-2019

Para quem não conhece, Giacomo Agostini é uma das maiores lendas do motociclismo. Entre os anos 60 e 70, conquistou 311 vitórias nas mais variadas categorias de velocidade, sendo que 123 foram em Grandes Prémios. Para a história ficam 15 títulos de campeão do mundo de MotoGP, sendo a grande maioria conquistada com a MV Agusta. Para celebrar a enorme coleção de troféus e equipamento com que correu, foi criado um espaço na cidade medieval de Bérgamo, onde Agostini vive, para que os fãs possam observar tudo o que “Ago” conquistou.

Veja o vídeo:

Giacomo Agostini conquistou mais de 350 troféus

A sala, desenhada por Michele Giavarini, concentra em si mais de 350 troféus, mas também capacetes e equipamentos todos organizados por ordem cronológica. Assim, logo na entrada é possível observar o número 1 a preto com o fundo amarelo, um design que se pode encontrar nas motos do piloto italiano. “A história da minha vida está ali concentrada num único espaço. Poder passar ali momentos a sós, a reviver todas as memórias, enche-me de alegria”, referiu Giacomo Agostini.

Leia ainda: Ferrari World Abu Dhabi premiado nos World Travel Awards

Já o CEO da MV Agusta, salienta a importância do piloto para a imagem do fabricante. “A parceria entre a marca e Giacomo Agostini é parte da nossa brilhante história. Estamos felizes pelo homem que mais contribuiu para o prestígio da MV Agusta e que pode agora celebrá-lo no seu espaço de museu”, referiu.

Clique aqui para se juntar ao Automundo no Facebook

Por fim, de ressalvar que o museu tem entrada privada e só pode ser visitado com marcação. As reservas são feitas através do Villa Vittoria Charme and Relax, resort gerido pela filha do piloto. O pacote completo inclui estadia, visita e jantar com o piloto. No entanto, a entrada é limitada a grupos de oito pessoas.

Percorra a galeria e veja algumas imagens do museu.

Artigos Relacionados

Artigos Relacionados

Top