Artigo de Guilherme André
03-09-2019

A Bugatti tem-nos habituado a veículos que surpreendem não só pela potência, mas também, pelas velocidades máximas impressionantes. No entanto, o vídeo deste artigo mostra que elevaram a fasquia para outro patamar. O Bugatti Chiron foi até à famosa pista Ehra-Lessien, Alemanha, com o objetivo de bater o recorde de velocidade. Andy Wallace, o condutor desta proeza, atingiu uns espetaculares 490,48 km/h, esmagando o anterior registo que pertencia ao Koenigsegg Agera RS (446,97 km/h).

Leia ainda: Novo Cupra Tavascan, o primeiro concept elétrico da marca

Tal como poderá ver no vídeo, este não é o típico Chiron. De facto, a marca juntou-se as empresas, Dallara e Michelin, para criarem uma versão melhorada do hipercarro. De acordo com a Top Gear, as modificações duraram seis meses. No total, o Chiron ganhou 25 centímetros de modo a aumentar a aerodinâmica.

Clique aqui para se juntar ao Automundo no Facebook

Ao nível mecânico recebeu uma suspensão que ajusta de forma automática a altura ao solo recorrendo a um controlo por laser. Esta tem como principal objetivo reduzir a resistência ao vento. Visível ainda a alteração do sistema de escape que é idêntico ao mostrado no Centodieci.

Veja o vídeo:

Bugatti Chiron ficou perto dos 500 km/h

Este resultado é um verdadeiro marco na história automóvel já que ultrapassou pela primeira vez a barreira dos 450 km/h, aliás, ficou perto dos 500 km/h. Contudo, tendo em conta a quantidade de hipercarros que têm sido apresentados e que ultrapassam os 1000 cavalos de potência, este recorde pode não durar tanto tempo quanto se espera.

Foto: Top Gear

Artigos Relacionados

Artigos Relacionados

Top