Artigo de João Isaac
09-05-2019

O novo motor 1.3 TCe, desenvolvido em parceria pelo Grupo Renault e pela Daimler, chega à gama da Dacia. São três os modelos que passam a contar com o novo motor turbo, com quatro cilindros, e 130 cavalos: Duster, Lodgy e Dokker.

Equipado com filtro de partículas, o motor 1.3 TCe promete combinar baixos consumos com elevada performance. Os modelos Duster, Lodgy e Dokker representam cerca de 30% das vendas em Portugal. Assim, com a introdução deste motor nas respetivas gamas, a Dacia pretende responder à tendência de crescimento da procura por motores a gasolina.

Leia ainda: Nissan GT-R modificado atinge os 379 km/h

O bloco 1.3 TCe incorpora várias soluções tecnológicas inovadoras que visam melhorar o seu rendimento e reduzir os consumos de combustível. Exemplo disso é o revestimento especial dos cilindros para redução das fricções internas. O controlo variável da abertura das válvulas também permite ao motor mostrar-se disponível e linear na forma como entrega a potência.

Com mais 5 cavalos e 35 Nm adicionais relativamente ao motor 1.2 TCe que substitui, o novo Duster com motor a gasolina atinge uma velocidade máxima de 191 km/h. Os consumos declarados, segundo o ciclo WLTP, ficam-se pelos 7 litros/100 km.

Gama Duster a crescer

Na gama Duster, o motor 1.3 TCe está associado a quatro níveis de equipamento. A versão de acesso, Essential, custa 15 600 euros. A nova série limitada, Adventure, tem um preço de 19 530 euros. Em julho surgirá uma versão associada à tração integral, para ainda maior liberdade de utilização. Para além disso, surgirá uma configuração com 150 cavalos. O binário sobe de 240 para 250 Nm.

Percorra a galeria e veja as fotos do Dacia Duster 1.3 TCe Adventure.

Artigos Relacionados

Artigos Relacionados

Top