Artigo de João Isaac
23-12-2019

A Ferrari revelou novos detalhes sobre o seu novo GT, o Roma, assim como um vídeo baseado no conceito “Nuova Dolce Vita”, gravado em vários locais icónicos da cidade. O mais recente coupé da marca de Maranello mantém o habitual equilíbrio de linhas dos seus Grande Turismo. No entanto, do ponto de vista técnico, o Roma introduz novas soluções que o apontam ao topo do seu restrito segmento.

Leia ainda: Polestar 2, o novo elétrico com mais de 400 cavalos entra em pré-produção

O Ferrari Roma utiliza um novo propulsor acoplado a uma transmissão de 8 velocidades. É igualmente a primeira vez que a Ferrari introduz o “manettino”, para seleção do modo de condução, num modelo GT. O novo Roma é o mais potente e dinâmico Ferrari com motor V8 dianteiro da história. Para além da performance, este é um modelo que promete destacar-se pelo luxo e conforto de utilização.

620 cavalos para mais de 320 km/h

O motor V8 produz 620 cavalos e dispõe de inovações como um sensor de velocidade de rotação do turbocompressor que permite o aumento do regime de funcionamento do motor, novos perfis das árvores de cames e ainda a introdução do filtro de partículas. A nova caixa de dupla embraiagem com oito velocidades é 6 kg mais leve do que a versão anterior de sete. É uma derivação da transmissão apresentada com o superdesportivo SF90 Stradale.

Veja o vídeo: 

A introdução da gestão eletrónica da pressão de sobrealimentação permite igualmente ajustar o binário consoante a relação de caixa selecionada. Assim, à medida que as relações de caixa vão subindo, o binário acompanha, atingindo o pico de 760 Nm em sétima e oitava velocidades. Desta forma, a Ferrari pôde utilizar relações mais longas que contribuem para a redução do consumo e emissões.

Veja também: Jeep Gladiator estreia-se nas dunas de Abu Dhabi

No que diz respeito à dinâmica, o chassis do Roma recorre a 70% de componentes novos e a sua construção permitiu reduzir o peso para que a relação peso/potência seja de apenas 2,3 kg/cv. O novo GT recorre também à última evolução do Side Slip Control para um superior prazer de condução e o “manettino” permite alterar entre os seguintes modos: Wet, Comfort, Sport, Race, ESC Off.

O Ferrari Roma acelera dos 0 aos 100 km/h em apenas 3,4 segundos e chega aos 200 km/h em 9,3 segundos. A velocidade máxima é superior a 320 km/h. Belo, rápido e apaixonante. É realmente uma pena que La Nuova Dolce Vita da Ferrari não seja para todos.

Percorra a galeria e veja as fotos do novo Ferrari Roma.

Fotos: Ferrari

Artigos Relacionados

Artigos Relacionados

Top