Artigo de Equipa Automundo
02-06-2021

Uma equipa australiana que viajou ao volante de um Hyundai Nexo, um veículo elétrico fuel cell (FCEV), bateu o recorde mundial da maior distância percorrida por um veículo movido a hidrogénio com apenas um único depósito. O piloto de rally australiano da Hyundai, Brendan Reeves, conduziu um Nexo personalizado com o objetivo de tentar quebrar o recorde mundial, tendo como ponto de partida Essendon Fields em Melbourne.

Hyundai Nexo bate recorde mundial de maior distância percorrida

Leia ainda: Mazda MX-5 RF, o carro de fim de semana perfeito para o dia a dia

Depois de percorrer 807 quilómetros focado na eficiência do veículo, Reeves chegou a Broken Hill ainda com o computador de bordo do automóvel a mostrar uma elevada margem de autonomia. A viagem prosseguiu em direção a Silverton, uma cidade do interior nos arredores de Broken Hill, mais conhecida por ter sido o cenário do filme de ação pós-apocalíptico dos anos 80, Mad Max 2 (também conhecido como “O Guerreiro da Estrada”).

O veículo ainda conseguiu percorrer mais de cerca de 60 quilómetros antes do tanque de hidrogénio do Hyundai NEXO se esgotar, na estrada Wilangee, depois da estação Eldee. A distância total percorrida foi de 887,5 quilómetros, de acordo com o computador de bordo do próprio Hyundai Nexo, batendo o recorde mundial anterior de 778 quilómetros estabelecido pelo francês Bertrand Piccard, também ao volante de um Hyundai NEXO, numa viagem por França, de Sarreguemines a Le Bourget.

A viagem teve uma duração de 13 horas e seis minutos

A viagem teve uma duração de 13 horas e seis minutos, a uma velocidade média de 66,9 quilómetros por hora. O alerta de baixo nível de combustível do Hyundai NEXO acendeu primeiro aos 686 quilómetros, com mais de 200 quilómetros de alcance a partir daquele ponto. A luz de combustível começou a piscar após 796 quilómetros, com 90 quilómetros de autonomia restante. Durante a viagem, o Hyundai Nexo consumiu um total de 6,27 quilogramas de hidrogénio, a uma taxa de 0,706 quilogramas por cada 100 quilómetros.

O veículo purificou 449.100 litros de ar durante a viagem – o suficiente para 33 adultos respirarem por dia – e o seu tubo de escape de plástico emitiu apenas água em forma de vapor e gotículas durante a viagem. O Hyundai Nexo não emitiu CO2 ao longo de todo o percurso, enquanto um veículo com motor de combustão interna standard teria emitido cerca de 126 quilogramas de CO2 na mesma distância.

Percorra a galeria e veja mais fotos desta aventura do Hyundai Nexo.

Artigos Relacionados

Artigos Relacionados

Top