Artigo de João Isaac
24-09-2019

O leilão da coleção Sáragga, o primeiro realizado pela RM Sotheby’s em território nacional, fechou com um total superior a 10 milhões de euros em vendas. Toda a coleção, que incluía 127 automóveis das mais variadas épocas, foi leiloada sem reserva. O evento decorreu na zona da Comporta, em Setúbal.

Leia ainda: Aerocar One, um carro que voa e que pode ser seu

O maior destaque do leilão foi o Bentley 8-Litre Tourer de 1931, um fabuloso automóvel da época pré-guerra. Foi vendido por 680 mil euros. No entanto, outro automóvel que despertou muito interesse ainda antes do leilão foi o Porsche 911 Carrera RS 2.7 de 1973. Um perfeito restauro que manteve a cor original Signal Orange – apenas 5 produzidos nesta cor – e que foi vendido ligeiramente acima dos 600 mil euros.

Coleção Sáragga reuniu 22 modelos da Porsche

“Passámos um final de tarde magnífico em Portugal. Esta era um grande coleção de um mercado novo para a RM Sotheby’s. Estamos muito satisfeitos com os resultados, uma vez que muitos dos lotes superaram o valor esperado. Tivemos muita gente no evento, bem como licitações online e através do telefone”, refere Paul Darvill, Car Specialist na RM Sotheby’s.

Ainda no que diz respeito à mítica marca de Estugarda, também um Carrara RS de 1992 foi vendido por uns impressionantes 241 mil euros. Já o GT3 RS de 2010 fez cair o martelo aos 174 800 euros. O 356 B Roadster da coleção foi vendido por um valor acima dos 150 mil euros.

Clique aqui para se juntar ao Automundo no Facebook

Lotes como o Lancia Aurelia B24S Convertible de 1956 e o icónico Alpine-Renault A110 1300 de 1972 merecem, igualmente, destaque. O italiano saiu da Comporta por cerca de 231 mil euros enquanto que o desportivo de Dieppe foi vendido por uns incríveis 195 500 euros.

Percorra a galeria e veja as fotos de alguns dos carros da coleção Sáragga leiloados pela RM Sotheby’s.

Fotos: RM Sotheby’s

Artigos Relacionados

Artigos Relacionados

Top