Artigo de Guilherme André
24-07-2019

A Daimler e a Bosch chegaram a um novo patamar no que diz respeito a condução autónoma. As duas empresas podem agora utilizar o primeiro sistema de parqueamento completamente automático na garagem do Museu da Mercedes em Estugarda. A aprovação foi dada pelas autoridades de Baden-Wurttemberg.

Leia ainda: Harley-Davidson elétrica já tem preço e data de lançamento em Portugal

Este projeto já se encontra em desenvolvimento desde 2015. A divisão é feita da seguinte maneira: a Bosch é responsável pela inteligência do sistema. Enquanto a Mercedes desenvolve a tecnologia relacionada com o automóvel. Deste modo, os sensores da empresa de tecnologia reconhecem os obstáculos traçando o caminho a seguir. Já o automóvel converte os dados recolhidos em manobras de condução. Assim, os carros conseguem realizar percursos de forma completamente autónoma, até ao lugar de estacionamento definido. 

Veja o vídeo:

De um modo muito geral o sistema funciona da seguinte maneira: Em primeiro lugar, o condutor para o veículo no local destinado na garagem do Museu da Mercedes. De seguida, sai do carro e seleciona a função respetiva no smartphone que lhe indica o espaço vazio no estacionamento. Por fim, o condutor pode seguir com a sua vida que o veículo vai, de forma autónoma, para o espaço destinado. Quando se for buscar o automóvel, o processo é novamente 100% automático.

Clique aqui para se juntar ao Automundo no Facebook

Artigos Relacionados

Artigos Relacionados

Top