Artigo de João Isaac
21-01-2020

A primeira unidade do primeiro Chevrolet Corvette de motor central, o novíssimo Stingray, foi vendida por 3 milhões de dólares, cerca de 2,71 milhões de euros. A venda decorreu na 49º edição do leilão da Barrett-Jackson em Scottsdale no Arizona e o montante será doado ao Detroit Children’s Fund.

Leia ainda: BMW Alpina B7 S Turbo, um de apenas trinta Coupé construídos vai a leilão

O Corvette já não o primeiro modelo cuja unidade de estreia de produção é vendida por valores astronómicos. O primeiro Toyota Supra foi igualmente vendido por 2,1 milhões de dólares e primeira unidade do Mustang Shelby GT500 por 1,1 milhões de dólares.

Junte-se ao Automundo no Instagram.

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por automundo.pt (@automundo_pt) em

Rick Hendrick é o dono do primeiro Corvette de motor central

A licitação vencedora foi feita por Rick Hendrick que assume ser “o maior fanático de Corvette do mundo. Agradeço igualmente à Chevrolet e à Barrett-Jackson por escolherem sempre doar o dinheiro destes leilões a tão importantes instituições e que ajudam tanta gente.”

Clique aqui para se juntar ao Automundo no Facebook

Esta primeira unidade do novo Corvette possui acabamento 3LT e dispõe vários elementos negros na carroçaria. Os bancos pretos contrastam com cintos de segurança vermelhos. Destaque ainda para o tejadilho amovível e para o pack performance Z51. Hendrick ganhou também a possibilidade de recolher o seu novo “Vette” na unidade de produção do Kentucky.

Percorra a galeria e conheça o carro que custou 2,7 milhões de euros.

Fotos: Motor1.com

Artigos Relacionados

Artigos Relacionados

Top