Artigo de Guilherme André
22-06-2020

Depois da Seat apresentar o renovado Ateca, era uma questão de tempo até a Cupra realizar o mesmo. Tal como o esperado, o Cupra Ateca, primeiro modelo da marca lançado em 2018, ganha novos argumentos para continuar a lutar no segmento de SUV desportivos. No exterior, recebe novos para-choques, assinaturas de luzes redesenhadas e grelha superior cromada escura. Para além disso, mantém as quatro saídas de escape na traseira, duas de cada lado do difusor.

Leia ainda: Mercedes-AMG E63, o desportivo com mais de 600 cavalos recebe atualização

Ao abrir a porta para o interior, o Cupra Ateca mantém as soleiras das portas iluminadas e os espelhos retrovisores refletem o logo da marca no chão. Os bancos desportivos são de série, bem como o novo volante. No entanto, as principais novidades, tal como no irmão, acontecem ao nível tecnológico. Destaque para o painel de instrumentos digital de 10,25 polegadas, bem como o ecrã central de 9,2 polegadas. Este segundo tem o mais recente sistema de infotainment com ligação Android Auto e Apple CarPlay. Sem esquecer os comandos por voz.

Junte-se ao Automundo no Instagram.

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por automundo.pt (@automundo_pt) em

Cupra Ateca mantém 300 cavalos de potência

Relativamente à motorização, o Cupra Ateca continua igual. Ou seja, está equipado com o 2.0 TSI de 300 cavalos e 400 Nm de binário, associado à transmissão de dupla embraiagem de sete velocidades. A potência chega às quatro rodas motorizes e permite acelerações dos 0 aos 100 km/h em 4,9 segundos, enquanto a velocidade máxima é de 245 km/h. Por fim, o SUV desenvolvido em Barcelona, mas produzido na República Checa, chega aos mercados europeus no terceiro trimestre de 2020.

Clique aqui para se juntar ao Automundo no Facebook

Percorra a galeria e conheça o renovado SUV desportivo.

Artigos Relacionados

Artigos Relacionados

Top