Artigo de Guilherme André
23-06-2020

Tal como no mais pequeno 208, o Peugeot 2008 também vai ter uma variante 100% elétrica. Esta medida, denominada e-2008, garante aos clientes uma opção válida para quem procura um veículo com as “energias da moda”. Depois das versões a combustão terem chegado ao mercado nacional já este ano, chegou a vez do Peugeot e-2008. Os preços começam nos 37 190 euros.

Peugeot e-2008 garante 320 quilómetros de autonomia

Assim, construído sobre a plataforma dedicada CMP, o SUV garante 136 cavalos e 260 Nm de binário. Para alimentar estes valores, a Peugeot recorreu a uma bateria de 50 kWh que possibilita percorrer até 320 km (ciclo WLTP) com apenas um carregamento. Por falar em “atestar”, é possível realizar o carregamento numa tomada convencional em 16 horas. Já recorrendo a uma Wall box o tempo desce para entre 5 e 8 horas, conforme a potência da mesma. Por fim, não quer perder muito tempo, saiba que pode recuperar até 80% da bateria em apenas 30 minutos num posto de carregamento público com 100 kW de potência.

Leia ainda: Novo Cupra Ateca mantém 300 cavalos, mas surge com imagem renovada

Ao nível de design, o Peugeot e-2008 mantém a silhueta pela qual é conhecido. Porém, recebe as mais recentes linhas da marca ao apresentar um visual mais moderno e sofisticado. O fabricante garante que se trata de uma proposta muito versátil no segmento onde concorre e a versão elétrica não perde bagageira (434 litros) face às versões convencionais. No interior, o principal destaque é o novo i-Cockpit 3D. Este inclui o volante de diâmetro reduzido, ecrã tátil de alta definição e painel de instrumentos com informações em 3D.

Clique aqui para se juntar ao Automundo no Facebook

Percorra a galeria e conheça o elétrico francês.

Artigos Relacionados

Artigos Relacionados

Top