Artigo de Equipa Automundo
04-02-2021

A Jaguar Classic celebra o 70.º aniversário do lendário bólide C-Type com a produção estritamente limitada de novas réplicas do C-Type, que serão produzidas à mão nas vanguardistas instalações da Jaguar Classic Works em Coventry. O programa de réplicas do Jaguar C-Type irá permitir aos amantes da história automóvel adquirirem, pela primeira vez, diretamente na Jaguar, um modelo de produção nova do C-Type de competição de 1953 com travões de disco.

Leia ainda: Nio ET7 é o novo modelo da “Tesla da China” e tem autonomia até 1.000 km

O C-Type, produzido entre 1951 e 1953, ficou célebre pela enorme fluidez das linhas concebidas pelo artista, especialista em aerodinâmica e designer da Jaguar, Malcolm Sayer. O C-Type venceu as extenuantes 24 Horas de Le Mans na sua estreia em 1951, a primeira das sete vitórias absolutas da Jaguar nesta prova francesa de resistência. Em 1952, o C-Type estreou na indústria automóvel a inovadora tecnologia de travões de disco com um revolucionário sistema desenvolvido pela Jaguar e pela Dunlop. Stirling Moss conseguiu a primeira vitória com um veículo com travões de disco no Grande Prémio de Reims (França) e participou na Mille Miglia de Itália.

O Jaguar C-Type venceu as 24 Horas de Le Mans na sua estreia em 1951

O C-Type voltou a vencer as 24 Horas de Le Mans em 1953, outra estreia para um veículo com travões de disco. Em complemento, desfrutou de um enorme sucesso com os proprietários privados, o que contribuiu para a Jaguar conquistar a segunda posição no primeiro Campeonato Mundial de Desportivos. Das 53 unidades do Jaguar C-Type produzidas nos anos cinquenta, 43 foram vendidas a clientes privados, mas a especificação do C-Type vendido ao público limitou-se a modelos com travões de tambor, carburador duplo SU e 200 CV, como era habitual nos veículos de competição de 1951.

Veja também: Tesla Cybertruck e mais 12 carros que surpreenderam pelo design

Serão produzidas oito novas réplicas do C-Type antes da realização, em 2022, do evento de celebração para proprietários inspirado no desporto automóvel. Irão todas seguir a especificação do veículo da equipa de competição que venceu Le Mans em 1953, incluindo o motor de seis cilindros em linha e 3,4 litros com travões de disco e carburador triplo Weber 40DCO3 para desenvolver uma potência de 220 CV. Os engenheiros da Jaguar Classic utilizaram como ponto de partida a experiência conseguida nos programas de réplicas do Lightweight E-Type, XKSS e D-Type da Jaguar Classic, consultando os arquivos da Jaguar e verificando os dados digitalizados de um C-Type original, além de utilizar a mais recente tecnologia de design assistido por computador para criar o C-Type de produção nova mais autêntico possível.

Percorra a galeria e veja mais fotos deste clássico Jaguar C-Type.

Artigos Relacionados

Artigos Relacionados

Top