Artigo de Guilherme André
26-08-2019

O Porsche Cayenne mais potente da gama conseguiu um recorde pouco usual. O SUV fez-se à pista no Swedish Gotland Ring uma nova pista que ainda se encontra parcialmente sem asfalto. No entanto, isso não foi um fator impeditivo para o fabricante alemão que aproveitou para demonstrar as capacidades do Turbo S E-Hybrid.

Leia ainda: Hyundai mostra a silhueta do novo concept elétrico

De facto, o híbrido, conduzido pelo piloto e apresentador de televisão Tim Schrick, percorreu 3,2 km do Gotland Ring em asfalto e 4,2 km apenas em terra batida em 3 minutos e 51 segundos. Este “recorde” dificilmente será batido, não pelo tempo, mas sim pelas condições em que foi feito. 

Porsche Cayenne Turbo S E-Hybrid é a versão mais potente do modelo

O Cayenne Turbo S E-Hybrid está equipado com um motor 4.0 V8 bi-turbo. Este é associado a um propulsor elétrico e transmissão automática de oito velocidades. Em conjunto produzem 680 cavalos e uns impressionantes 900 Nm de binário logo às 1500 rpm. Assim, o SUV híbrido com cerca de 2,5 toneladas consegue acelerar dos 0 aos 100 km/h em 3,8 segundos e atingir uma velocidade máxima de 295 km/h.

Veja o vídeo: 

Outro atrativo desta versão do Porsche Cayenne é a possibilidade de conduzir em modo 100% elétrico durante 40 km. Isto é possível devido à bateria de iões de lítio instalada na parte inferior da mala com 14,1 kWh de capacidade. Segundo os dados relevados pela marca fica totalmente carregada em 2,4 horas numa tomada de 7,2 kW. Por fim, na tomada convencional de casa demora seis horas.

Percorra a galeria e veja alguns momentos do recorde do SUV híbrido.

Fotos: Porsche

Artigos Relacionados

Artigos Relacionados

Top