Artigo de Guilherme André
21-08-2020

Parece que a Lotus ganhou uma nova vida desde a aquisição da Geely. O grupo chinês decidiu investir 1,64 mil milhões de euros para recuperar a marca inglesa. Esta injeção de capital tem como objetivo relançar no mercado com a expansão das instalações, onde se inclui uma nova fábrica. Agora, a imprensa britânica dá conta de novos desenvolvimentos sobre este caso. A Lotus está a preparar um possível sucessor do Espirit, um modelo que deve chegar na segunda metade de 2021.

Lotus Espirit vai receber tecnologia híbrida

Uma das grandes novidades nesta nova geração é a inclusão de uma motorização híbrida. De facto, espera-se que o V6, “emprestado” pela Toyota, esteja associado a um propulsor híbrido. Para além disso, acrescentam ainda que esta motorização vai contar com o apoio da Volvo, marca que está a apostar forte na eletrificação. Ou seja, não é de estranhar que os valores de potência sejam superiores a 500 cv.

Junte-se ao Automundo no Instagram.

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por automundo.pt (@automundo_pt) em

Leia ainda: McLaren Elva recebe edição especial com personalização histórica

Assim, o sucessor do Lotus Espirit assume-se como um desportivo de dois lugares e motor central e que, se mantiver a filosofia da marca, vai ter uma condução dinâmica. O visual continua uma incógnita, contudo, pode adotar algumas das linhas utlizadas, por exemplo, no hipercarro Lotus Evija. Por fim, a imprensa britânica destaca ainda a criação de uma nova plataforma que vai permitir criar outro tipo de modelos. Um dos planos que está a ser discutido é o regresso do Lotus Elan.

Clique aqui para se juntar ao Automundo no Facebook

Artigos Relacionados

Artigos Relacionados

Top