Artigo de Guilherme André
12-03-2020

O calendário de MotoGP em 2020 está a tornar-se uma verdadeira confusão. Depois do adiamento do GP das Américas, chegou a vez da Argentina, algo que atrasa o regresso da classe rainha, e de Miguel Oliveira, para o primeiro fim de semana de maio em Jerez.

Leia ainda: Kalle Rovanperä, a sensação do WRC que começou a brilhar ao volante sem ter carta de condução

Assim, a ronda em Termas de Río Hondo, inicialmente marcada par 17 a 19 de abril, vai passar para 20 a 22 de novembro. Ou seja, estamos perante mais uma alteração do calendário que se está tornar cada vez diferente do habitual. Por agora, sabe-se que as máquinas de MotoGP só vão voltar à pista, por enquanto, em maio.

Junte-se ao Automundo no Instagram.

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por automundo.pt (@automundo_pt) em

MotoGP vai terminar em Valência no fim de novembro

Para além disso, o Grand Premio Motul de la Comunitat Valenciana, “sofre” com todas estas alterações e também vai ter uma nova data. Deste modo, o circuito de Valência mantém-se como última prova do campeonato. Porém vai realizar-se entre 27 a 29 de novembro. Mais se acrescenta que os testes de MotoGP, Moto2 e Moto3 em Jerez no fim do ano, vão ter novas datas. Contudo, apenas vão ser definidas depois da época começar.

Clique aqui para se juntar ao Automundo no Facebook

Artigos Relacionados

Artigos Relacionados

Top