Artigo de Guilherme André
22-05-2020

Para muitos, o pináculo de uma vida luxuosa e cheia de requinte é ter um barco. De facto, para além do preço elevado, também são conhecidos pelas dimensões imponentes e, em alguns casos, por designs fora do comum. Ora perante um mercado tão específico e exclusivo como é o das embarcações de luxo, as inovações têm de acrescentar exclusividade ao que já existe. É o caso deste concept criado pela Icona, empresa italiana que se dedica à criação de embarcações de luxo. O denominado Fibonacci é um catamaran com 16,5 metros de comprimento e foi criado numa parceria com mais três entidades. Hydrotec, empresa de arquitetura naval italiana, ASG Power e Terra Modena Mechatronic.

Leia ainda: Sinot cria barco com mais de 120 metros movido a hidrogénio

As quatro empresas criaram um catamaran com uma forma que pode ser considerada idêntica a um piano. O deck é embelezado por uma estada em espiral que dá acesso ao primeiro andar. “A configuração do catamaran, o sistema propulsor e o concept no geral resultam de um esforço coletivo para maximizar a eficiência do design e minimizar os consumos de energia”, refere Sergio Cutolo, fundador da Hydrotec.

Junte-se ao Automundo no Instagram.

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por automundo.pt (@automundo_pt) em

Este catamaran vai ter propulsão elétrica

No interior desta obra de arte flutuante encontramos dois tipos de configurações: com duas ou três suites. De acordo com o New Atlas, este luxuoso iate vai ser impulsionado por dois motores elétricos de 270 cavalos cada e são alimentados por packs de bateria com 340 kWh de capacidade. Ou seja, isto permite cerca de 12 horas de autonomia a velocidade de cruzeiro.

Clique aqui para se juntar ao Automundo no Facebook

Percorra a galeria e conheça a embarcação de luxo.

Fotos: Icona Design Group

Artigos Relacionados

Artigos Relacionados

Top