Artigo de Equipa Automundo
09-08-2020

Está a ser um início de época realmente para esquecer para Marc Márquez. O seis vezes campeão do mundo do MotoGP e atual detentor do título sofreu uma lesão no ombro direito na jornada inaugural do Mundial, em Jérez, no GP de Espanha, em julho, e teve que se submeter a uma cirurgia para colocar uma placa metálica no braço. E um mal nunca vem só.

Estava tudo preparado para que o piloto espanhol regressasse na prova deste fim de semana em Brno, no GP da República Checa, mas a lesão agravou-se e Márquez teve que ir novamente para a mesa de operações. A placa metálica deslocou-se e o motivo é, no mínimo, insólito: lesionou-se a abrir uma janela.

Marc Márquez lesionou-se a abrir uma janela

“Foi uma situação estranha, que poderia acontecer em qualquer casa. Na segunda-feira pela manhã acordou antes de mim, ali pelas 7h30 e foi buscar os cães para passear. Ao abrir a janela que dá para o jardim, lesionou-se no ombro. Acordou-nos, a mim e ao fisioterapeuta que está connosco, e disse-nos que se tinha lesionado de novo. E efetivamente notava-se… Ligámos ao Emilio (Alzamora, o seu agente) e ao médico Mir e fomos diretos a Barcelona”, explicou Aléx Márquez, o seu irmão, com o quem partilha casa.

Veja também: Red Bull desafia fãs de Miguel Oliveira a mostrar o seu entusiasmo num jogo online

O azar bateu à porta de Marc Márquez que agora terá que passar por um tempo de recuperação. Além do GP da República Checa, o piloto espanhol deverá perder também as próximas duas provas, que se realizam no Red Bull Ring, na Áustria.

Artigos Relacionados

Artigos Relacionados

Top