Artigo de Guilherme André
19-08-2019

O Porsche Taycan aproxima-se da apresentação oficial no próximo dia 4 de setembro. No entanto o fabricante alemão continua a testar intensamente o desportivo elétrico. Desta vez, foram 24 horas sem parar (ou quase) na pista de Nardò em Itália. Deste modo, o Taycan percorreu 3425 km a velocidades compreendidas entre 195 e 215 km/h.

Leia ainda: Rolls-Royce Ghost Zenith, a nova edição limitada recheada de luxo

De acordo com o comunicado, a temperatura chegou a um pico de 42 graus enquanto o asfalto atingiu os 54 graus. O Taycan passou nesta prova de resistência, uma prova da sua durabilidade. As únicas paragens feitas foram, como é óbvio, para carregar as baterias. Aqui, também uma novidade, foi a utilização dos carregadores ultra rápidos de 800V. Para além disso as paragens serviram também para mudanças de pilotos. No total foram seis os diferentes condutores que percorreram a pista de Nardò.

Primeira investida da Porsche no mundo dos desportivos elétricos

O novo Porsche Taycan é uma investida focada em rivalizar com os Tesla. De facto, o desportivo elétrico promete não só uma boa durabilidade, mas também, excelentes performances. De acordo com os testes realizados em julho, o pré-série do Taycan acelera dos 0 aos 200 km/h em menos de 10 segundos. Este teste foi feito 26 vezes seguidas sendo a diferença entre a tentativa mais rápida e a mais lenta de 0,8 segundos.

Clique aqui para se juntar ao Automundo no Facebook

Percorra a galeria e veja algumas imagens do teste ao Porsche Taycan em Nardò.

Fotos: Porsche

Artigos Relacionados

Artigos Relacionados

Top