Artigo de Guilherme André
17-02-2020

No que toca a veículos elétricos, os consumidores têm sempre em atenção a autonomia. De facto, é um dos pontos em que as marcas estão sempre a tentar melhorar. Deste modo, a Tesla anunciou que vai aumentar os valores do Model S e Model X. Se por um lado já eram lideres neste capítulo, vão ficar ainda mais.

Tesla Model S e Model X ganham autonomia

Começando pelo Model S na versão Long Range, sabemos o crescimento sobre as normas EPA (método de medição norte-americano). Já no europeu WLTP, esse ainda não está disponível. Ainda assim, a autonomia passou dos 373 km (cerca de 600 km) para as 390 milhas (628 km). Caso estes valores sejam idênticos nas medições WLTP, o Model S Long Range para a Europa deve passar os 610 para 638 km, contudo, temos de esperar pelos resultados oficiais para dar uma confirmação.

Leia ainda: Suzuki Vitara estreia novo sistema mild-hybrid

Já o SUV Model X, passa das 328 milhas (528 km) para os 351 km (565 km) sobre as normas EPA. Mais uma vez, se os resultados forem idênticos para a Europa, o crescimento deve ser de 37 km com a bateria de 100 kWh. Estes aumentos estão relacionados com pequenos detalhes que fazem a diferença, como as novas jantes de 19 polegadas de série.

Junte-se ao Automundo no Instagram.

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por automundo.pt (@automundo_pt) em

Clique aqui para se juntar ao Automundo no Facebook

Em suma, o fabricante liderado pelo carismático Elon Musk tornou ainda mais apelativo os veículos elétricos. Esta melhoria surge numa altura em que o Porsche Taycan 4S, a versão mais acessível do elétrico alemão, começa a ser entregue aos clientes. Para além disso, a Tesla afirma que esta melhoria não está relacionada com o lançamento da versão Plaid, a nova topo de gama. Esse deve chegar em breve com mais potência e capacidade de bateria.

Artigos Relacionados

Artigos Relacionados

Top