Artigo de Guilherme André
02-04-2020

Os carros autónomos vão ser uma realidade no futuro. De facto, há cada vez mais fabricantes a desenvolver esta tecnologia. Mas será que isto só oferece regalias? Segundo um estudo ao encargo da Universidade de Curtin, Perth, Austrália, quando os carros autónomos chegarem ao mercado, podemos assistir a um aumento de consumo de bebidas alcoólicas. Dos 1334 inquiridos, todos com idade legal para ingerir bebidas alcoólicas, 37% referiu que provavelmente iria beber mais do que o habitual, caso tenham um carro autónomo à disposição. Para além disso, 49% referiu que estava disposto a recorrer a carros autónomos depois de consumir álcool.

Aproveite este bónus de 50 euros para ganhar dinheiro a jogar casino ou a apostar. Registe-se aqui

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por automundo.pt (@automundo_pt) em

Jovens são os mais recetivos aos carros autónomos

A investigação mostrou também que são os inquiridos mais jovens que bebem com mais frequência e têm uma atitude mais positiva quanto aos carros autónomos. De mencionar que são a faixa etária que prefere usar plataformas de car sharing.

Leia ainda: Divirta-se e ganhe dinheiro com as melhores slots machines (e sem sair de casa)

O estudo concluiu que a introdução de carros autónomos pode aumentar os níveis de consumo de álcool e que, por isso, devem ser tomadas novas medidas para evitar possíveis problemas. O professor Simone Pettigrew, um dos autores do estudo deixou opinião. “Quando os veículos autónomos ficarem disponíveis, eles podem ser utilizados para facilitar consumo de álcool fora de casa e uma maior frequência de consumo em excesso”, afirmou o professor.

Clique aqui para se juntar ao Automundo no Facebook

Artigos Relacionados

Artigos Relacionados

Top