Artigo de Guilherme André
04-06-2020

Com o mercado das pick-ups cada vez mais avançado, a Toyota viu-se na obrigação de renovar a Hilux. A pick-up nipónica ganha assim, um novo estilo, mais argumentos tecnológicos e melhorias ao nível mecânico. Começando pelo visual, a Toyota Hilux ganha uma nova frente mais robusta face a antecessora. Nas variantes de lazer, as luzes são LED. Relativamente a variantes, a pick-up está disponível em cabine extra ou cabine dupla.

Leia ainda: Hyundai mostra primeiras imagens do renovado Santa Fe

No entanto, um dos grandes destaques é o aumento de potência. De facto, o bloco 2.4 litros foi substituído por um de 2.8 litros. O aumento de cilindrada ajuda os valores a subirem para 204 cavalos e 500 Nm de binário. Perante isto, não é de estranhar que a aceleração dos 0 aos 100 km/h se faça em 10 segundos, uma melhoria significativa de 2,8s face a antecessora. A Toyota Hilux mantém a tração integral, bem como alternativa manual ou automática.

Junte-se ao Automundo no Instagram.

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por automundo.pt (@automundo_pt) em

Toyota Hilux recebe reforço tecnológico

Passando para o interior, a tecnologia foi reforçada. O sistema de infotainment, visto no ecrã de oito polegadas, recebe ligações Apple CarPlay e Android Auto. No entanto, não se ficaram por aqui. Melhoraram os revestimentos e, segundo a marca, está mais confortável. Isto porque a Toyota realizou ajustes na suspensão e direção de modo a tornar a pick-up mais “amiga” dos passageiros. Por agora não se sabe quanto vai custar e os rumores indicam que apenas chega depois do verão.

Clique aqui para se juntar ao Automundo no Facebook

Percorra a galeria e conheça a pick-up.

Artigos Relacionados

Artigos Relacionados

Top