Artigo de Guilherme André
23-10-2019

Com a apresentação mundial da oitava geração do Volkswagen Golf à porta, decidimos relembrar todos os antepassados do modelo com mais sucesso da marca alemã. Para tal descrevemos neste artigo todas as sete gerações que tornaram o nome Golf num ícone da indústria automóvel.

Golf MK1, a rampa de lançamento para o sucesso

Produzido entre 1974 e 1983, o Golf MK1 foi uma revolução no mercado da época. Relembramos que este foi desenhado pelo mítico Giorgetto Giugiaro, que na altura trabalhava para a Italdesign. O carro compacto apresentava proporções elegantes. Em apenas dois anos, o modelo atingiu a marca de um milhão de unidades produzidas.

Leia ainda: Porsche 356 Coupe foi convertido em Speedster e ficou incrível

No mesmo ano, a Volkswagen apresentou o primeiro Golf GTI de sempre, em conjunto com os primeiros motores Diesel. Em 1979 atingiu uma nova marca ao chegar aos 3 milhões exemplares construídos que, curiosamente, corresponde com o ano de lançamento da versão cabriolet. O último a ser lançado foi o GTD (1982), um ano antes do fim do ciclo de vida da primeira geração, com um impressionante registo de 6,99 milhões de unidades produzidas.

Golf MK2, o aprimorar dos detalhes

Em 1983 a Volkswagen lançou a segunda geração do Golf. Um dos principais destaques foi o aumento de espaço no interior. No entanto não foi a única característica que evoluiu, já que introduziu no segmento dos compactos detalhes técnicos nunca antes vistos.

Fazendo uma breve cronologia, a segunda geração apresenta em 1984 a versão GTI com catalisador. Dois anos mais tarde mostraram o primeiro Golf syncro, ou seja, equipado com sistema de tração às quatro rodas. Para além disso, esta versão foi a primeira a receber ABS.

O G60, uma das variantes mais icónicas de sempre do modelo, com compressor G, surge em 1988. Para além do Golf City Stromer (híbrido), é apresentado o Country, uma espécie de SUV, algo que é moda nos dias de hoje. Terminou o ciclo de vida em 1991 com 6,3 milhões de unidades produzidas, mais de 12 milhões de Golf desde 1974.

Golf MK3, a era dos sistemas de segurança

Na terceira geração do Golf (1991) destaca-se a inclusão de vários sistemas de segurança como os airbags dianteiros (1992) e laterais (1996). Para além disso, é acrescentado o cruise control e ABS de série em todas as versões. Ainda assim, não podemos esquecer que também foi pioneiro em outros pontos, nomeadamente, nos motores.

Clique aqui para se juntar ao Automundo no Facebook

De facto, o famoso seis cilindros VR6 foi estreado nesta geração e foi o primeiro seis cilindros alguma vez visto no segmento compacto. Não esquecer ainda o primeiro motor Diesel com injeção direta (TDI em 1993 e SDI em 1995). Ao nível de versões destaque para a primeira carrinha Golf em 1993. Em cinco anos de vida (1991 a 1996), foram produzidos 4,83 milhões de Golf 3, algo que representa mais de 15 milhões de Golf produzidos.

Veja o vídeo:

Golf MK4, a alteração de estilo

O Volkswagen Golf 4, lançado em 1997 destacou-se pelo visual. De facto, não podemos deixar de salientar o emblemático painel de instrumentos com luz azul. Ainda assim, a marca alemã aproveitou esta geração para lançar o Sistema de Controlo de Estabilidade (ESC) e a assistência em travagem. Passando para a parte mecânica, destaque para a primeira caixa de seis velocidades (1999) e o primeiro motor a gasolina com injeção direta, FSI, em 2002.

No mesmo ano aparece a versão de topo desta geração: O R32. Com 250 km/h de velocidade máxima, distinguiu-se ao ser o pioneiro da caixa de velocidades automática DSG (2003). Terminou em 2003 com 4,99 milhões de unidades produzidas.

Golf MK5, focado no conforto e dinâmica

A pensar no conforto dos passageiros, o Golf 5 marca a introdução da suspensão multibraços no eixo traseiro. Contudo, as melhorias não ficam por aqui. De mencionar a direção assistida eletromecânica, faróis bi-xenon, sensores de chuva e DSG de sete velocidades.

O quinto Golf GTI estreia os motores a gasolina turbo com injeção direta (os precursores do TFSI). O primeiro motor equipado com turbo e compressor (TSI) surge no GT em 2006. Ao nível de versões é apresentado o novo Golf Plus (2006), e a nova carrinha. Por fim, em 2007 surge o Golf BlueMotion, uma variante que tinha como principal objetivo o baixo consumo de combustível. No mesmo ano a Volkswagen chega aos 25 milhões de Golf produzidos desde 1974.

Golf MK6, reforço na segurança

Sistemas como cruise control adaptativo, park assist, ajuda de arranque em subida, ou suspensão pilotada, start/stop foram os pontos altos deste Golf 6. Considerado carro do ano em 2009, esta geração conquistou as cinco estrelas nos testes de segurança EuroNCAP.

Veja também: Este Defender modificado tem o motor de um Corvette

Ao nível de versões conheceu o habitual GTI, fez regressar a sigla GTD, o terceiro Golf R e o quarto Cabriolet. Para além disso, como forma de celebrar o 35 aniversário do modelo, a Volkswagen criou a variante Edition 35 em 2011.

Golf MK7, o pioneiro da plataforma modular MQB

Apresentado no Salão Automóvel de Paris em 2012, o sétimo Golf apresenta a primeira plataforma modular: a MQB. Ao nível de tecnologias destaque para o motor 1.4 TSI com desativação de cilindros, algo que permite poupar nos consumos. Por fim, recebe várias tecnologias inovadoras como sistema infotainment topo de gama, e várias soluções de conectividade.

Percorra a galeria e conheça as sete gerações do Volkswagen Golf.

Artigos Relacionados

Artigos Relacionados

Top