Artigo de João Isaac
26-12-2019

O DeLorean ocupa um lugar especial no mundo automóvel. Não só é um modelo único e inconfundível como ganhou um estatuto de estrela de Hollywood pela sua participação na saga Regresso ao Futuro. No entanto, este exemplar de 1981 é especial por outros motivos. É o resultado do trabalho de Jon Goh, um estudante de engenharia mecânica de Stanford, e está carregado de tecnologia.

Leia ainda: Ford Mustang Heritage Edition celebra o Shelby GT350 original

Para além do avançado cérebro deste exemplar, outros elementos que o distinguem dos restantes automóveis criados por John DeLorean são os dois motores elétricos, a suspensão especial e o roll cage. Juntamente com mais colegas do Dynamic Design Lab de Stanford, esta equipa de engenheiros equipou o DeLorean, numa fase inicial do projeto há quatro anos, com tecnologia que lhe permitia fazer piões autonomamente.

Veja o vídeo:

Clique aqui para se juntar ao Automundo no Facebook

No entanto, o trabalho desenvolvido permitiu evoluir as capacidades do DeLorean para o nível seguinte. Assim, no vídeo agora divulgado, é possível ver o novo talento do DeLorean que evoluiu para uma verdadeira máquina de drift, serpenteando por entre os cones com grande precisão, mesmo nas transições mais exigentes. Durante as manobras, algumas a mais de 50 km/h, atingiu ângulos de cerca de 40 graus. Quem sabe, numa próxima evolução, consiga viajar no tempo…

Percorra a galeria e veja as fotos deste DeLorean autónomo e capaz de fazer longos drifts.

Artigos Relacionados

Artigos Relacionados

Top