Artigo de Guilherme André
30-08-2019

A Fórmula 1 revelou o calendário para a temporada de 2020. Com a adição de eventos na Holanda e Vietname, o novo total de 22 corridas é um novo recorde. No entanto esta proposta ainda tem de passar na aprovação da FIA World Motor Sport Council em outubro de 2019.

Leia ainda: Rampa do Caramulo recebe 80 automóveis na sua 40ª edição

De acordo com o calendário apresentado, o Grande Prémio da Austrália mantém a tradição de iniciar a época a 15 de março. Por outro lado, Abu Dhabi continua a receber a última prova do campeonato a 29 de novembro.

Clique aqui para se juntar ao Automundo no Facebook

Uma das novidades no calendário de 2020 é o Vietname que se torna no 34º país a receber a Fórmula 1. Assim, o evento vai acontecer a 5 de abril no circuito citadino na capital Hanoi. Para além disso, 35 anos depois, o histórico circuito de Zandvoort volta à melhor prova de desporto motorizado do mundo. O Grande Prémio da Holanda decorre no dia 3 de maio. Por fim, Monza encontra-se no calendário apresentado, no entanto, os diretos de F1 ainda se encontram a negociar o contrato.

Conheça o calendário de Fórmula 1 de 2020 (ainda por aprovar):

15 de março – GP Austrália (Melbourne)
22 de março – GP Bahrain (Sakhir)
5 abril – Vietname (circuito citadino de Hanoi)
19 abril – China (Xangai)
3 maio – Holanda (Zandvoort)
10 maio – Espanha (Barcelona)
24 maio – Mónaco (Mónaco)
7 junho – Azerbaijão (Baku)
14 junho – Canadá (Montreal)
28 junho – França (Paul Ricard)
5 julho – Austria (Red Bull Ring)
19 julho – Reino Unido (Silverstone)
2 agosto – Hungria (Budapeste)
30 agosto – Bélgica (Spa)
6 setembro – Itália (Monza)
20 setembro – Singapura (Singapura)
27 setembro – Rússia (Sochi)
11 outubro – Japão (Suzuka)
25 outubro – Estados Unidos da América (Austin)
1 novembro – México (Cidade do México)
15 novembro – Brasil (São Paulo)
29 novembro – Abu Dhabi (Abu Dhabi)

Foto: Daimler

Artigos Relacionados

Artigos Relacionados

Top