Artigo de João Isaac
08-07-2019

O Ducato foi o modelo escolhido pela marca italiana para dar início à ofensiva elétrica nos seus comerciais. Assim, a FIAT Professional revelou pela primeira vez a versão Electric, durante o evento de apresentação do novo Ducato.

Leia ainda: Renault Megane RS ainda mais radical com versão Trophy-R

O Ducato Electric chega ao mercado já em 2020 e junta-se ao Ducato Natural Power, a gás natural, na gama de alimentação alternativa. O Electric foi desenvolvido com base em dados de circulação de veículos comerciais recolhidos ao longo de um ano. Ficou assim provado que mais de 25% do mercado, devido ao tipo de utilização identificado nas suas viaturas, está já apto a receber a mobilidade elétrica.

Autonomia elétrica até 360 km

A variante elétrica do Ducato não só está disponível em várias versões, como também oferece várias alternativas de baterias modulares. A autonomia varia entre os 220 e os 360 quilómetros, de acordo com o ciclo NEDC. Oferece, igualmente, diferentes opções de carregamento.

A sua velocidade máxima está limitada a 100 km/h. A potência do motor elétrico é de 90 kW e o binário máximo é 280 Nm. Quanto a volumes de carga, estes não são prejudicados com a introdução da motorização elétrica e variam entre os 10 e os 17 metros cúbicos.

Clique aqui para se juntar ao Automundo no Facebook

Percorra a galeria e veja as fotos do novo FIAT Ducato Electric.

Artigos Relacionados

Artigos Relacionados

Top