Artigo de Guilherme André
28-01-2020

Criado pela Autoliv, empresa sueca especializada em segurança automóvel, o novo airbag central tem a tarefa de reduzir as lesões causadas numa colisão automóvel. Segundo os estudos, este equipamento de segurança permite reduzir até 80% as lesões causadas por passageiros que chocam entre si durante um acidente. No entanto, faz mais do que isso. A empresa afirma ainda que, caso o automóvel circule apenas com uma pessoa, o airbag evita outro tipo de danos. Por exemplo, previne que o condutor seja projetado contra a porta.

Leia ainda: Mais elétricos, novos modelos e Via Verde. Todas as novidades da Renault para 2020

Mais acrescentam que pode evitar o contacto com estilhaços ou componentes. Do ponto de vista da proteção, este airbag é mais importante em colisões laterais. Segundo a Autoliv, os planos ditam a instalação do sistema em 19 modelos ainda em 2020. Contudo, ainda não foi revelada a lista dos carros que o vão receber.

Junte-se ao Automundo no Instagram.

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por automundo.pt (@automundo_pt) em

EuroNCAP “aperta” estudo deste tipo de acidentes

Desde 1 de janeiro de 2020, a EuroNCAP decidiu incluir a colisão entre ocupantes nos relatórios de segurança. Este tipo de registo acontece, na grande maioria, em embates laterais, onde o automóvel é projetado, bem como os ocupantes do mesmo. No que diz respeito a lesões, estes acidentes podem provocar danos graves no peito, pescoço e zona da cabeça.

Clique aqui para se juntar ao Automundo no Facebook

Artigos Relacionados

Artigos Relacionados

Top