Artigo de Guilherme André
12-11-2019

A Skoda acaba de revelar a nova geração do Octavia, o best-seller da marca checa. De facto, com mais de 6,5 milhões de unidades vendidas este modelo tem de ser visto com um dos mais importantes, não só da Skoda, como também do Grupo Volkswagen. Agora, surge relançado para 2020, nas versões sedan e carrinha.

Leia ainda: Ford estuda a hipótese de relançar o nome Capri

Começando pelo exterior, o novo Skoda Octavia está mais longo e largo. Já ao nível de design vemos algumas semelhanças com o recém-lançado Scala, ou seja, mantém a imagem que caracteriza a nova geração da Skoda. No entanto, o grande destaque é o espaço e as várias soluções de arrumação, algo que a marca checa nos tem habituado ao longo dos anos. Assim, pode esperar uma bagageira de grandes dimensões tanto no três volumes (600 litros, mais 10 do que o antecessor), como na carrinha (640 litros, mais 30 l do que o antecessor), valores de referência no segmento.

Marca checa investe na tecnologia

Para além disso, recebeu uma grande revolução no que diz respeito a tecnologia. Assim, os clientes vão poder encontrar “surpresas” em linha com o que será utilizado no novo Volkswagen Golf, algo que demonstra a importância deste modelo. Falamos de luzes ambiente, ecrã central de 8,25 ou 10 polegadas, comando por gestos e uma nova assistente de voz chamada Laura. O painel de instrumentos digital tem 4,2 polegadas, contudo, pode optar pelo opcional Virtual Cockpit com 10,25 polegadas e um novo head-up display. Ao nível de conectividade, o novo Skoda Octavia está equipado com carregador smartphone wireless, tomadas USB-C e ligação bluetooth.

Skoda Octavia recebe variantes mild-hybrid e híbrido plug-in

Passando para a condução, esta nova geração destaca-se pela inclusão do cruise control preditivo e o sistema de proteção de peões e ciclistas. Para além disso, debaixo do capot, a Skoda oferece uma grande variedade de escolha: Diesel, a gasolina, a gás natural, mild-hybrid e híbrido plug-in. Começando pelas novidades, a nova geração Octavia recebe o 1.0 e 1.5 TSI EVO e-TEC, motores esses equipados com sistema mild-hybrid. As potências são 110 e 150 respetivamente, ambos com DSG de sete velocidades. No entanto, o grande destaque é a inclusão do híbrido plug-in que utiliza o 1.4 TSI e propulsor elétrico que geram 204 cavalos de potência combinada.

Clique aqui para se juntar ao Automundo no Facebook

Já no convencional gasóleo, o 2.0 TDI tem três níveis de potência (116, 150 e 200 cv). Este pode estar acoplado à manual de seis velocidades ou DSG de sete. Na gasolina, a oferta é composta pelo 1.0 TSI EVO (110 cv e caixa manual de seis), 1.5 TSI EVO (150 cv e caixa manual de seis) e 2.0 TSI (190 cv caixa manual de sete velocidades e tração integral). Por fim, a oferta a gás natural é exclusiva do 1.5 TSI G-TEC com 130 cv e pode estar ligado à caixa manual de seis ou DSG de 7 velocidades.

Veja também: Rolls-Royce Cullinan recebe versão Black Badge

Disponível em três níveis de equipamento, Active, Ambition e Style, a nova geração do Skoda Octavia chega na primavera de 2020. Ainda assim, as versões Scout e RS vão ser lançadas numa segunda fase.

Percorra a galeria e conheça a nova geração do best-seller da Skoda.

Artigos Relacionados

Artigos Relacionados

Top